>

dois mil e dez






ha. 2010 começou bem, né? Tava tudo certo pra viajar à Paraíba (mesmo que tenham decidido isso de ultima hora). Meu pai alugou um carro nos levar (também minha avó e um primo meu). 6:30 o carro chegou e eu ainda estava me arrumando. Comecei a correr e o zíper da minha saia quebrou. Respirei fundo e mandei o carro ir na frente, depois eu ia com minha tia, sem problemas.
Depois, minha tia diz que tava pensando em só viajar hoje pela manhã e perguntou se eu fazia questão de ir ontem mesmo. Bem, eu não fazia questão, não tava muito a fim de viajar mesmo... minutos depois me dou conta que meu pai simplesmente levou meu celular. Respirar fundo não funcionou. Juntei tudo: zíper quebrado, não ter ido com meu pai e o fato dele ter levado meu celular. Desisti de tudo, só pensava: “QUE FIM DE ANO É ESSE MEU DEUS?”. Liguei pra minha mãe e ela pediu que eu viesse pra casa, que ela já tava chegando. Voltei o caminho inteiro da casa da minha avó com a mala na mão e com muita raiva. Cheguei em casa e comecei a chorar, me lamentar. Nunca tive um final/começo de ano tão ruim. Depois que ela chegou, liguei pro meu pai e pedi que desligasse meu celular. Ele ficou triste quando soube que minha tia tinha desistido de ir ontem à noite, mas né.. já foi. Mainha me chamou pra passar o reveillon com ela em BV, mas, pensei melhor e fui à igreja aqui mesmo. E apesar de tudo isso, glorifiquei à Deus, porque tudo tem um propósito, né. E se eu não fui, é porque não tinha que ir. E o culto aqui foi muito bom. Deus me respondeu e sou grata a Ele por tudo. Depois do culto voltei pra casa, fiquei na net e depois dormi assistindo o bob esponja, que, me fez rir muito em meio a tudo isso.


Sem esquecer de ressaltar que isso nunca me aconteceu e que em todos esses 19 anos, meus Reveillons foram sempre divertidos, mas né... foi isso.




Comentários
1 Comentários

1 comentários:

MieL disse...

Os meus sempre foram meio assim, sendo que sem viajem. nem carros, nem nada :T

Postar um comentário

Prometo que te respondo, tá? ;}